quarta-feira, 6 de maio de 2015

Botas – 5 formas de amarrar a sua bota

bota

Manter seu pé firme, dentro de seu calçado de caminhada, é uma arte que nem sempre é bem aplicada. Aqueles que já sofreram com bolhas e fortes dores, ainda no meio do percurso (onde voltar ou seguir já não faz diferença), sabe do que estou falando.

Recentemente subi ao cume do Escalavrado (Serra dos Órgãos). Pode-se dizer que foi uma escalaminhada. Meu calçado se desintegrou e acabou por deixar meu pé solto. A descida é constante e no ângulo de 45º, fazendo com que as pontas dos dedos fossem responsáveis por suportar todo o peso do meu corpo. Foi um suplício sem adjetivos em 620 metros de deslocamento vertical, para somente 1,5 km horizontal.

dor no dedão

Uma bota de qualidade e uma boa amarração, mantendo meu calcanhar fixo, teria evitado este desconforto e permitido que eu pudesse dedicar minha atenção à beleza do lugar. Não desejo isto a ninguém. Portanto, antes de encarar uma investida de peso, faça testes menores com seu calçado, e sinta como ele se adapta ao seu pé.

Pesquisando na internet sobre dicas de amarração, encontrei este bom material, produzido pelo pessoal da Viagens e Andanças. Pode não esgotar o assunto, já que as formas de calçados e pés são infinitas, mas está muito bem conduzido.

Boas caminhadas.

retornar ao Menu Principal

0 comentários:

BlogBlogs.Com.Br